Remédios: 3 dicas simples também podem ajudar você a evitar e tratar varizes nas pernas: (Parte 3)

Posted on

Além dos recursos oferecidos pela medicina tradicional, dois ingredientes que você tem em casa podem ajudar – e muito – na luta contra a varizes.

O tratamento para varizes na gravidez pode ser feito com a aplicação alternada de água quente e fria sobre o local, durante o banho. Além disso, para cuidar das pernas com varizes, a grávida pode colocar um saco de gelo sobre as pernas, pois ajuda a contrair as veias e a diminuir a dor. Em alguns casos, o médico pode também indicar a utilização de meias de compressão, para prevenir o surgimento de varizes e auxiliar na circulação sanguínea. Você pode esperar uma aplicação para cada 2,5cm de varizes. Com isso, veias “azuladas” ou com um aspecto mais inchado podem aparecer sob a pele, causando alguma dor ou, em muitos casos, nenhum incômodo. As varizes da gestação são mais comuns nas pernas, embora possam ser observadas em qualquer parte do corpo. Se notar vermelhidão e sensibilidade na superfície das varizes, além de febre, dor nas pernas ou taquicardia, procure ajuda médica o mais rápido possível. Geralmente as varizes são mais comuns em pessoas de meia idade e idosos, devido O problema é que se for usado por muito tempo ele pode ocasionar as varizes, que além de comprometerem a saúde também podem prejudicar a estética das pernas.

Neste artigo (com vídeo) você saberá se pode, o que pode e como pode fazer musculação e atividades físicas para ajudar sua circulação venosa nas pernas, e muito mais…

  • 5. Quantas aplicações é possível fazer com 01 (uma) unidade da Meia Calça Gold Nylons de 150ml?

Entrevista com o Prof. Dr. Alexandre Amato sobre como Evitar e Tratar Vasinhos e Varizes no programa  ”Análise Direta” com a entrevistadora Paty Biasi.

Transcrição Paty: Olá, está começando mais um programa Análise Direta, com mais um assunto importante para debater hoje e você pode participar enviando as suas perguntas através do facebook.com/programasalisedireto. O meu convidado de hoje é o cirurgião vascular doutor Alexandre Amato, tudo bem? Paty: qual exercício físico que é mais apropriado para evitar que a pessoa tenha varizes? Hoje nós estamos falando sobre varizes e vasinhos com o doutor Alexandre Amato, que é cirurgião vascular. Paty: Ok, eu vou chamar o intervalo mais uma vez daqui a pouco a gente volta falando mais sobre varizes, até já. Paty: Estamos de volta com o programa Análise Direta, hoje nós estamos falando sobre varizes, eu estou conversando com o doutor Alexandre Amato, que é cirurgião vascular. Dr. Alexandre: Então, a espuma é muito utilizada nos países mais frios Europa principalmente, é um tratamento muito bom funciona. A pessoa que permanece muito tempo em pé ou sentada também está mais propensa a desenvolver esta doença. As varizes aparecem com mais freqüência nos membros inferiores: pés, pernas e coxas.

  • 4. Qual a cor mais indicada para minha pele?

Feito por um médico angiologista, a escleroterapia pode ser realizada através da aplicação de glicose e laser no local atingido pelas varizes.

Esse tratamento também é popularmente conhecido como “aplicação para varizes”. A aplicação é feita diretamente nas varizes. Após a sessão de escleroterapia, o sangue não entra mais na veia tratada e com isso não vão surgir novas varizes nesse mesmo local. A paciente que passa por esse tratamento de varizes pode sentir desconforto e dores leves quando a agulha é inserida nas veias ou mesmo quando o líquido é inserido. As varizes são veias danificadas que não cumprem satisfatoriamente sua função, deixando o sangue acumulado, gerando sensação de peso, dor e desconforto, especialmente nas pernas. No entanto, a hipoatividade da tireóide é uma condição médica muito mais grave, que pode levar a complicações e, por isso, aconselhamos consultar um médico endocrinologista assim que possível. A doença venosa, mais conhecida como varizes, pode ser apenas um defeito cosmético leve ou pode causar dor, cãibras e dificuldade para andar. Sinais adicionais: As varizes podem ser confundidas com outra doença venosa, conhecida como aranha venal, que parece uma teia de aranha, com veias azuis ou vermelhas menores. Você vai notar a diferença, porque as varizes são maiores, de cor mais escura e às vezes ficam em relevo.

  • Evitar o contato direto com com pessoas contaminadas, ou seja, não tocar ou encostar nas verrugas;
  • Usar preservativo;
  • Tomar a vacina contra o HPV, indicada para prevenir a infecção genital.

Advertência 9: Pele muito pálida e unhas azuladas A anemia grave pode ser indicada pela pele mais pálida do que o habitual, especialmente no rosto e nas palmas das mãos.

Sinais adicionais: A palidez não só afeta a pele, como também os tecidos vermelhos na boca, lábios e gengivas, que podem ficar mais claros que o normal. Esta inflamação que pode ser ocasionada por vários motivos é mais comumente encontrada nas veias dos membros inferiores, especificamente nas veias superficiais das pernas. Com isso, as veias têm maior dificuldade em bombear o sangue para o coração, favorecendo o surgimento de varizes. Isso prejudica o fluxo sanguíneo do sangue das pernas para o coração e favorece o acúmulo de sangue nos vasos, elevando o risco de varizes. Com isso, o sangue que irriga as pernas consegue voltar para o coração com maior facilidade, não ficando acumulado nos membros, que é a causa das varizes. Com isso, o bombeamento do sangue se torna mais difícil e o sangue tende a se acumular nas veias das pernas, provocando as varizes. É importante reconhecer os próprios limites, pois exigir mais que seu corpo pode oferecer, é só um risco a mais para as varizes. Os exercícios aeróbicos são as opções mais simples para iniciar a prática de exercícios para tratamento de varizes. Então, uma opção saudável é a simulação de pedaladas com as pernas para o ar, você melhorará o condicionamento de suas pernas e poderá utilizar como tratamento de varizes.

Negligenciar o tratamento também pode fazer com que as varizes provoquem manchas escuras permanentes na pele.

Por causa da pressão sanguínea as veias se dilatam e acabam formando as varizes.As varizes geralmente aparecem nas pernas, mas pode aparecer em outras partes do corpo também. As mulheres que trabalham muito tempo em pé, que usam calçados de salto alto e não fazem nenhuma atividade física, são as que têm mais chance de desenvolver varizes. Hormônios, uma questãoA reposição hormonal é um dos fatores que mais causam varizes - e isso também inclui o uso de anticoncepcionais, ok? “A evolução das varizes pode ser não só pelo aumento do calibre das veias, mas também pelo aumento de sua quantidade”, diz o angiologista. “A embolia pulmonar, uma doença grave e muitas vezes fatal, pode ser originada pela presença de varizes em pacientes com os fatores de risco acima”, avisa. O mais conhecido deles é a escleroterapia, também conhecida como “aplicação”, que busca o fechamento das veias que estão prejudicando a circulação sanguínea. Ele é um produto que tem a intenção de agir de dentro para fora eliminando assim todas as varizes e deixando as pernas com uma pele mais lisa. Algumas pessoas podem apresentar varizes hereditárias e outras podem adquiri-las ao longo dos anos, devido alguns hábitos, como o salto alto, que causam a dilatação das veias. Apesar de homens também apresentarem varizes são as mulheres as mais prejudicadas, isso se da pelos hormônios femininos que diminuem a força das paredes de veias. Por isso que mulheres grávidas e que fazem uso de anticoncepcional tendem a apresentar mais varizes. Chegam até a usar um tom de voz mais alto quando querem fazer valer sua vontade, mas basta que alguém as contradiga para que acatem a decisão dos outros. Aceitar críticas não é o forte de quem tem esse problema estético, tanto que essas pessoas reagem agressivamente quando alguém as avalia de forma negativa.